sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Funcionário de mineradora é baleado após descer de ônibus em Jacobina

Thiago Pereira dos Santos foi baleado na noite desta quinta-feira, 19, por volta das 23h45, no bairro Félix Tomaz, em Jacobina. Segundo populares, Thiago é funcionário terceirizado da Jacobina Mineração e Comércio – JMC, e havia acabado de chegar do trabalho no ônibus da empresa. Pouco depois de desembarcar, ele foi baleado quando seguia a pé para casa.
Informações preliminares dão conta que o atirador seria ex-funcionário da mineradora e que estaria inconformado por ter sido demitido pelo supervisor. O acusado, que não teve o nome divulgado, teria esperado o supervisor chegar para cometer o crime. Segundo as informações, devido a rua ser pouco iluminada, o atirador acabou confundindo Thiago com seu desafeto e atirou seis vezes contra ele, o atingindo com três tiros na região do tórax. O supervisor da empresa saiu ileso do atentado e deixou do local.
A polícia averígua se esta versão corresponde aos fatos. Após perceber o erro, o atirador fugiu e está sendo procurado pela polícia. Thiago foi atendo no HMATS e teve que ser transferido para a capital do estado. A ambulância saiu escoltada por uma viatura da Polícia Militar, para que não haja uma nova retaliação por parte do atirador.

Buscas ao acusado

A polícia continua a procura de pistas que levem ao homem que cometeu uma tentativa de homicídio contra Thiago. Várias versões surgem sobre a motivação do crime, mas nada confirmado oficialmente. As únicas informações acrescentadas na ocorrência foram que o atirador estava em uma moto e que Thiago foi baleado pelas costas.
Fonte: Bahia Acontece

0 comentários:

Postar um comentário

O COMENTÁRIO ANONIMO NÃO SERÁ LIBERADO, AGRADECEMOS A COLABORAÇÃO.